16 03 2017

Olha o Passarinho: 5 Dicas Essenciais Para Fotógrafos Iniciantes

Este artigo foi criado pela equipe SaveMe para uso exclusivo do blog A menina da Janela.

Você gosta de registrar momentos especiais da sua vida? Ou mesmo situações cotidianas, que ganham um brilho diferenciado quando vistas através das lentes de uma câmera fotográfica? Se sua resposta é sim, você provavelmente é um daqueles que vê a fotografia como uma arte, e sabe que como tal, ela pode ser estudada e aperfeiçoada!

Pensando nisso, criamos uma lista com dicas para fotógrafos iniciantes, confira.

5 Dicas Para Fotógrafos Iniciantes

Fotógrafos- 5 Dicas Essenciais Para Fotógrafos Iniciantes

1 – Não se Preocupe (Tanto) com o Equipamento

Sua jornada na fotografia pode começar aos poucos, com uma câmera simples mesmo. Aproveite esse período para treinar seu olhar e praticar bastante. Aos poucos você saberá quais são suas necessidades, e assim poderá comprar a câmera e as lentes mais adequadas ao seu estilo.

 

2 – Dedique Tempo a Cada Imagem

Pode ser que você consiga a foto perfeita em apenas um click, mas também pode ser que a imagem ideal exija algumas dezenas de tentativas. Nesse momento é importante persistir: busque ângulos diferentes, use a criatividade e se possível faça alterações – como iluminação, composição e etc. – para melhorar o resultado final.

 

3 – Explore os Recursos da sua Câmera

Mesmo as câmeras mais simples contam com diferentes recursos, e para usá-los é importante conhecê-los bem. Por isso, explore as funções de sua câmera e não deixe de comparar os resultados de cada uma delas.

 

4 – Busque Inspiração para Fotografar

Seja no começo da caminhada ou durante ela, buscar inspiração é sempre muito importante. Conheça o trabalho de fotógrafos consagrados, mas também veja o que os amadores estão fazendo; busque os detalhes de cada imagem e explore as técnicas usadas. Essa é uma forma de estudar fotografia, reconhecendo o talento de cada colega.

Câmera de Smartphone- 5 Dicas Para Fotógrafos Iniciantes

 

5 – Esteja Sempre Pronto para Fotografar

Diferentes situações do dia a dia podem dar origem a belas fotografias, sejam momentos espontâneos ou posados, com pessoas, animais ou mesmo objetos inanimados. Então, esteja sempre pronto para fotografar! Como não é fácil andar com um equipamento de fotografia para todos os lados, uma sugestão é comprar um smartphone com uma boa câmera.

Lembre-se que com dedicação e estudo você poderá se tornar um excelente fotógrafo.

Você tem mais alguma dica para fotógrafos iniciantes? Não deixe de compartilhar nos comentários!

Comentários
09 03 2017

5 Fotógrafas Brasileiras Incríveis Que Você Precisa Conhecer!

Fotógrafas Brasileiras Incríveis

Se você ama fotografia ou trabalha com ela, sabe o quão importante é se manter inspirado. Separei hoje 5 fotógrafas incríveis que me inspiram muito- arrisco dizer que são minhas favoritas- pra inspirar vocês também! Todas elas são brasileiras e o que mais me chama atenção na fotografia delas é como retratam a mulher em contato com a natureza, de forma “selvagem”, natural e belíssima.

Faz muito tempo que esse post está nos rascunhos. A lista originalmente tinha 4 fotógrafas apenas, e eu sempre enrolando pra postar. Quando salvei nos rascunhos, nem pensava ainda em trabalhar como fotógrafa… Agora, dando meus primeiros passinhos nesse mundo lindo, achei que era a hora de deixar de lado a enrolação e terminar de escrever esse post. Afinal, foram estas- e algumas outras- mulheres e fotógrafas que me ajudaram a perceber e entender que caminho quero seguir na fotografia. Sem mais delongas, vamos à lista? (Para conhecer o Instagram das fotógrafas, clique no nome OU nas fotos delas).

Fotógrafas Brasileiras Incríveis Para Se Inspirar!

Camilla Albano

Fotógrafas Brasileiras- Camilla Albano

A Camilla tem o trabalho mais sensacional que eu já vi na vida. Chego até a ser meio tiete e já falei sobre ela aqui. Eu me emociono muito vendo suas fotos “na natureza”, como ela define. 3 séries fotográficas dela me encantam muito: O Mulheres da Lua, com fotos de um Círculo de Mulheres do Sagrado Feminino, o Florescência, projeto em que a tatuadora Amanda Roosevelt (outra mulher que me inspira!) pinta flores em corpos nus e a Camilla fotografa, e o Afeto, que retrata mulheres amamentando. A Camilla Albano passa uma força e uma delicadeza nas fotos que eu não consigo descrever… Sou apaixonada e é isso. Aah, claro, já ia me esquecendo: Ela é de Fortaleza- Ceará!

Melissa Maurer

Fotógrafas Brasileiras - Melissa Maurer

A Melissa é uma fotógrafa de Alto Paraíso de Goiás que também retrata mulheres na natureza de forma incrível. Ela tem costume de ainda postar, junto com suas fotos, trechos, frases, parágrafos super delicados e que me tocam muito, sempre. A série “Moviment.art“, que retrata a dança, o corpo em movimento em meio à natureza, e a série Cerrado Feminino me tiram o fôlego sempre que paro pra ver.

Dani Chaves

Fotógrafas Brasileiras - Dani Chaves

“Fotógrafa e atriz. Deusa empoderada e curandeira da alma. Facilitadora de rodas de mulheres. Loba. Mulher selvagem!”é a descrição dela no Instagram. Só aí já deu pra perceber porque eu amo, né? Ela é mais uma que me faz arrepiar só de ver suas fotos… Quando resolvo parar e reparar na legenda também, mais um encanto. Os ensaios Alcatéia – Deusas Negras e o Amor Líquido (que ela fez junto com o Afeto da Camilla Albano) são meus favoritos ❤ Não encontrei de que cidade ela é, mas pelo DDD acredito que seja no Ceará.

Bruna Ferreira

Fotógrafas Brasileiras - Bruna Ferreira

“Fotógrafa da alma feminina” é como a Bruna se descreve, e consigo enxergar isso em suas fotos. São todas muito expressivas e cheias de sentimento. Minhas favoritas, é claro, são as fotos ~no meio do mato~ em contato com a natureza, mas a Bruna também arraso no meio das cidades e em ambientes fechados.

Karina Diniz

Fotógrafas Brasileiras - Karina Diniz

O que falar da Karina? Ela é blogueira lindíssima do My Life as Karina e já acompanho as fotos pelo blog desde antes dela ter uma página e insta de fotografia. Ela é do Rio de Janeiro e recentemente me encantou MUITO com seu projeto Alma. É a pessoa da lista de quem me sinto mais próxima -pelo blog e trocas de comentários e por ser alguém que vi começando, mais ou menos na mesma época que eu.Vale muito a pena conferir e acompanhar o trabalho da Kah!

Essas são as fotógrafas que selecionei! Conheço muitas outras incríveis e, se quiserem, posso trazer mais algumas em outro post! Pra você que está estudando fotografia, tente observar como eles usam a luz, como compõem as fotos, que elementos costumam usar… Tudo isso é muito legal e ajuda MUITO, confiem em mim.

E pra não dizer que não falei de mim também… Que tal acompanhar meu Instagram e página de fotografia?Pra quem é de Belo Horizonte, está rolando um sorteio de mini-ensaio em comemoração ao Dia Internacional da Mulher! Espero vocês lá ❤

 

1 Comentário
23 02 2017

6 Marcas De Coletor Menstrual Nas Quais Você Pode Confiar

Marcas de coletor menstrual confiáveis

Uma das principais dúvidas que chegam a mim através de e-mails, comentários, mensagens no Facebook/Instagram e conversas com amigas é sobre as marcas de coletor menstrual. Com tantas opções no mercado e tão pouca informação sobre a maioria delas, é normal ficar um pouco perdida na hora de escolher que marca comprar. Pra te ajudar, escrevi esse post recheado de dicas, relatos e informações sobre as principais marcas de coletor disponíveis. E mais: Nesse post, vou te contar porque você não deve comprar um coletor Chinês!

Se você caiu de paraquedas nesse post e quer saber o que é um coletor menstrual, pra que serve, como usar e muitas outras informações, basta ler meus posts “Tudo sobre coletores menstruais” e “Porque o coletor não é só sobre sangue“. Abra eles em uma nova aba e depois volte aqui pra ler sobre as marcas, ok? Eu te espero!

Marcas de coletor menstrual confiáveis

É sempre complicado falar sobre marcas de coletor menstrual. Digo isso pois cada corpo é um corpo, cada mulher é única e muitas vezes o que funciona bem para Maria não irá funcionar tão bem para Ana. Vale sempre lembrar que o coletor não deve ser escolhido apenas pela marca, mas sim pelas características do seu corpo e do seu ciclo – dentre elas, altura do colo do útero, força pélvica e intensidade do ciclo. Se você não está entendendo nada, sugiro novamente que leia o post Tudo sobre coletores menstruais e depois volte aqui.

Mesmo depois de descobrir as características citadas acima, muitas mulheres continuam perdidas – afinal, são tantas marcas e tamanhos diferentes que com certeza mais de um modelo se encaixa nas características. Pra ajudar nessa escolha, reuni relatos de mulheres reais do grupo Coletores Brasil e informações técnicas sobre 6 das marcas mais citadas nesse grupo. Abaixo, a lista de perguntas que mandei pra cada uma das meninas sobre a marca que elas usam:

1- Qual é a marca e o modelo/tamanho de coletor que você usa? 2- Onde você comprou o seu coletor? 3-Você demorou a se adaptar ao coletor? Experimentou outra marca antes dessa? 4- Qual a sua opinião sobre a marca? Gosta? Trocaria por alguma outra marca ou modelo? Porque? 5- você pratica /já praticou algum tipo de esporte com o coletor? Nadou? Teve algum problema? 6- O que você diria pra alguém que quisesse comprar um coletor da mesma marca que o seu?

1- Inciclo Marcas de coletor menstrual - Coletor Menstrual Inciclo

A Inciclo é uma das marcas de coletor menstrual mais famosa aqui no Brasil justamente por ser uma marca nacional. Conta com apenas 2 tamanhos diferentes: O A, recomendado para mulheres com mais de 30 anos e/ou com filhos, e o B, para mulheres com menos de 30 anos e sem filhos. Ele é transparente e feito de silicone medicinal. Não é muito recomendado para quem tem o colo do útero baixo, por ser mais “compridinho” que outras marcas. Vamos ver o que as meninas que usam falaram sobre ele?

“Uso o Inciclo tamanho A. Comprei no próprio site deles. Fui uma sortuda que me adaptei desde o primeiro uso, ele foi meu primeiro. Gosto muito dele, não trocaria. Já nadei com ele e não tive problemas, mas não pratiquei outros esportes. Eu recomendo a marca, nunca tive nenhum problema com ele, apesar do meu colo ser super baixo e ele ter um formato mais alongado. Até pra mim deu certo, a única coisa que tive que fazer foi cortar toda a haste que, essa sim, me incomodava.” Melissa Cortez

” Eu uso Inciclo tipo A. Comprei de uma amiga revendedora que mora na minha cidade e que eu incentivei a ser revendedora. Demorei 3 meses para me adaptar, acho um período normal. Nem longo nem curto. Não experimentei outra marca. Eu uso esse coletor há quase 2 anos (faz em abril deste ano) e gosto muito. Acho que ele é bem adequado ao meu corpo e o de muitas mulheres brasileiras. Não pretendo trocá-lo porque acredito que um dos princípios do uso dos coletores é exatamente a diminuição do consumo, mas se um dia o meu coletor não se adequar mais ao meu corpo eu compraria o Lumma, porque acho que ele é o mais parecido com o Inciclo e ainda tem algumas vantagens (do meu ponto de vista), como ser mais rígido e ter uma parte mais maleável no fundo que facilita a retirada do vácuo. Eu pratico natação e ando de bicicleta, nunca tive problema algum. Indico o Inciclo para quem tem características físicas adequadas para o seu uso. Cada corpo pode se adaptar a vários coletores, mas sempre vai ter um que é mais adequado.” Petra Ramalho

2- Fleurity

Marcas de coletor menstrual confiáveis - fleurity

A Fleurity é uma marca que cresceu muito também recentemente, e com certeza você já viu pelo facebook uma propaganda dela com a foto da Flávia Alessandra. Também oferece apenas dois tamanhos: o 1, recomendado para mulheres com mais de 30 anos e com filhos, e o 2, recomendado para mulheres com menos de 30 anos e sem filhos. No site da marca há informações sobre diâmetro, capacidade e tamanho de cada opção, facilitando a escolha pensada nas suas características  e não na recomendação dada por eles. Possuem 3 opções de cores (rosa, roxo e natural) e são feitos de silicone hipoalergênico.  Vi muitas pessoas reclamando de não se adaptarem à marca, mas observando pude perceber que na maioria das vezes o problema era que, por ter se tornado muito famoso com as propagandas, muitas mulheres compraram sem avaliar suas características/sem ter conhecimento sobre coletores e por isso acabaram escolhendo o tamanho errado. Vamos aos relatos?

“Eu uso o fleurity tamanho 2 para mulheres com menos de 30 anos , comprei meu coletor em uma grande farmácia. Nunca tive problemas com meu copinho me adaptei mt rápido, o fleurity foi meu primeiro e único copinho foi paixão a primeira vista! Os coletores da fleurity são uns dos mais moles deste mercado, o que torna o uso deles um pouco mais complicados, principalmente para mulheres com os músculos da vagina mais fortes. Eu ainda n penso em trocar o meu copinho, ele atende bem as minhas necessidades e me adaptei muito bem a ele. A fleurity é uma marca boa porem de difícil adaptação para muitas mulheres, se seu colo do útero for baixo vai ser bem complicado já que ele é mais comprido que os outros do mercado, além disso se vc n conhece bem seu corpo e n estiver familiarizada com ele vai ser difícil fazer o copinho abrir dentro de você. Faço exercícios moderados com ele, nado e pulo carnaval sem nenhum problema, comigo nunca vazou!” Maria Fernanda Amorim Fossaluza

“Eu uso o fleurity roxo ( recomendado para quem já teve filhos), quarto ciclo com ele. Vi o anúncio patrocinado e comprei pelo Facebook, em seguida entrei no grupo dos coletores e descobri que existiam várias marcas ( acreditava que essa era a única).Mas aí fui para batalha, a dobra básica não abria, foi bem difícil , no grupo descobri outras dobras relaxei e consegui com a dobra invertida. Passo 1 concluído, ufa. Aí me veio o cabo, nossa, enorme e parecia q algo estava saindo de mim, peguei a tesoura e cortei, ufaa 70℅ resolvido. Mas ainda havia um incomodo, no meu terceiro ciclo resolvi usar pelo avesso e aí sim, problemas resolvidos. Para sair? Sim, pensei nisso, mas fiquei de cócoras fiz pressão , tirei o vácuo e ele saiu perfeitamente. Pretendo experimentar outras marcas ainda, mas estou completamente apaixonada pelo coletor e índico a todas as pessoas, nada como você se sentir livre, vou para academia, corro, faço funcional e me sinto no dia como qualquer outro. Meu maior problema com absorvente interno, além do tempo que tinha q trocar, quando fazia xixi encharcava 😓😢 Já indiquei o fleurity para duas amigas, mas sempre aconselho a cortar o cabinho.” Nathy Ramos

3- Lumma

Marcas de coletor menstrual confiáveis - Lumma

Assim como as duas marcas anteriores, a Lumma tem apenas dois tamanhos e a mesma lógica de recomendação de tamanhos: Tipo A para mulheres com mais de 30 anos/com filhos e tipo B para quem tem menos de 30 anos/não tem filhos. Só tem coletores transparentes e são feitos de silicone medicinal. Um diferencial interessante é que é a única marca que tem “pétalas” na parte de baixo que ajudam a retirá-lo. É também conhecido por ser um pouco mais rígido que as marcas similares – consequentemente, mais indicado para quem tem mais força pélvica. É também uma marca relativamente barata. No site, há indicação da lista de revendedoras em várias cidades diferentes. Relato:

“Uso o Lumma tamanho B (menos de 30 anos/sem filhos). Comprei com uma revendedora da minha cidade, o que foi bem melhor pois economizei com o frete e pude usar logo. Me adaptei rapidamente, na primeira vez que usei já foi bem fácil, não tive problemas com vazamento, cólicas, nem nada, me surpreendi. Nunca tinha usado nenhum outro coletor. Não trocaria por nenhuma outra marca, acho que o Lumma tem uma rigidez ótima, sempre insiro com a dobra mais fácil que tem (em C) e ele abre sozinho, parece que tem vida própria. Além disso também tem as “pétalas” na bundinha dele que acho que ajudam bastante a ter firmeza pra retirá-lo. Ele me passa muita segurança pois faço atividades físicas e ele nunca perdeu o vácuo ou vazou. Me locomovo apenas de bicicleta, e também nunca rolou de vazar. Nado também, mas nunca coincidiu de eu nadar e estar menstruada, mas se rolasse eu nadaria sem inseguranças. Além disso, a qualidade do material é ótima (o silicone é bem liso, o que facilita a inserção) e o preço super em conta. Se alguém me dissesse que quer comprar um, eu indicaria, vale muito a pena. Pelo que vejo nos relatos de outras mulheres, é um dos coletores mais fáceis de se adaptar, nunca vi ninguém com problemas com ele, pelo contrário, só elogios.” Alina Martins 

4- Korui

Marcas de coletor menstrual confiáveis - Korui

A Korui é mais uma das marcas de coletor menstrual mais queridinhas e divulgadas por aí. Ela já entra numa lógica de tamanhos que eu gosto mais: Tem 3 opções de tamanho: leve, normal e intenso. Na hora de comprar, você pode ver todas as informações de tamanho: diâmetro, comprimento com e sem a haste (que, como em todas as marcas, pode ser cortada!) e volume. Assim, você tem mais opções para escolher o mais específico possível pra você. Como podem ver na imagem, eles tem várias cores disponíveis e também são feitos de silicone medicinal. Ele também é produzido no Brasil, tem toque aveludado e ranhuras na parte de baixo pra facilitar a remoção! A Melissa Cortez, que falou sobre o Inciclo, foi quem também falou sobre ele pra gente!

“Sobre o korui, tamanho leve: Também comprei direto no site deles. Também me adaptei de primeira, só tive que cortar a haste. Amo ele, também não trocaria. Eu quis ter um sobressalente como reserva e escolhi korui por causa dos depoimentos positivos, e não me arrependi. Ele tem um formato mais compacto, o que é ótimo pro meu colo baixo. Também já nadei com ele e não tive problemas! Super recomendo a Korui também!” Melissa Cortez

5 e 6- Me Luna e Holy Cup

Marcas de coletor menstrual confiáveis - Me Luna e Holy Cup

Aqui pode parecer que eu estou roubando, mas já explico: A Me Luna e a Holy Cup  são marcas de coletor menstrual diferentes, mas da mesma fábrica. Achei válido citar as duas porque pode ser que você ache mais fácil encontrar uma ou outra na sua cidade, o frete fique mais barato ou qualquer coisa assim. Me Luna é a marca que eu uso, e por isso o relato aqui é meu – seguindo as mesmas perguntas que fiz pras meninas, obviamente!
A Holy Cup possui 3 tamanhos: P, M e G e ainda 3 opções de rigidez: Mature, mais maleável, Classic e Extreme, mais rígido.
Já a Me Luna possui os tamanhos P, M, G e GG, e também as 3 opções de rigidez: soft, classic e sport. Além disso, você pode escolher se o cabo será a haste (como no meu, da foto), uma bolinha ou um anel (que podem facilitar a remoção/evitar de cortar o cabinho).
As duas marcas tem várias opções de cores e são feitas de TPE, um material de uso médico usado em cateteres, implantes e outras coisas.

“Uso o Me Luna Classic M, comprado na loja Lua Artemísia. Não demorei nada pra me adaptar: no primeiro ciclo com ele descobri que a dobra em C não abria… testei outra (a “meio diamante”) e prontinho! Já nem sentia mais ele e não tive problemas. Nunca experimentei outra marca e amei a Me Luna… Talvez daqui há uns anos troque por um mais rígido pois percebi um aumento recente na minha força pélvica, mas continuaria com a marca Me Luna. Já dancei forró, corri, pulei, fiquei no agacha e levanta sem fim que é quando vou fazer ensaios fotográficos… Nunca vazou. Também já nadei no mar, piscina, cachoeira, represa… Nenhum problema! Super indico o Me Luna/Holy Cup pra todo mundo que me pergunta sobre marcas de coletor menstrual!” Laura Nolasco (eu)

Porque não devo comprar um coletor menstrual genérico/chinês?

Como você pode perceber no texto, há várias marcas confiáveis, com uma variedade imensa de tamanhos, cores, rigidez e até preços. Qualquer uma delas é super segura e recomendada por quem usa. Porém, ainda assim, algumas pessoas acham que é muito caro comprar de uma marca confiável e procuram saber sobre coletores genéricos/chineses vendidos em lojas como aliexpress e ebay por poucos dólares. Vamos agora conversar um pouco mais sobre os problemas e riscos dessa atitude?

Em todas as marcas de coletor confiáveis, fiz questão de citar de que material o coletor é fabricado. Comprando coletores chineses, você não tem garantia nenhuma do material. Muitas pessoas fizeram testes de laboratório e encontraram nesses coletores problemas como: uso de silicone não medicinal/látex ou plástico comum, que pode causar alergias e problemas com esterilização, presença de metais pesados corantes tóxicos, textura/rachaduras que dificultam a esterilização… Dentre muitos outros problemas que prejudicam a saúde a curto ou longo prazo.

Dessa forma, acho que fica claro que é melhor pensar na sua saúde e higiene e não comprar coletores chineses. O copinho por si só já é uma economia a longo prazo: As marcas citadas no post custam entre R$60,00 e R$120,00 e podem durar até 10 anos! Pense em quanto dinheiro você gastaria com absorventes nesse tempo? Um coletor menstrual custa muito menos! Invista em marcas de coletor menstrual confiáveis e economize dinheiro sem descuidar da sua saúde!

5 Comentários