pessoal

10 de dezembro de 2020

Eu tava tão bonitinha atualizando o blog pelo menos uma vez por mês desde o começo do ano que confesso que fiquei decepcionada comigo mesma por ter sumido em outubro e novembro. Mas, como diria Nuno Ramos, fooquedeu — afinal, é assim que 2020 tem funcionado, né?

Nesses últimos meses rolou coisa pra caramba por aqui. Começando pelo cansaço extremo com a pandemia e isolamento, já que aqui seguimos trabalhando de casa e saindo só pro supermercado (ou pro sítio, onde a família do João tá isolada no mesmo esquema também).

Mas, tirando isso, muita coisa legal aconteceu, e resolvi contar um pouquinho por aqui. Tava pensando esses dias e em fevereiro do ano que vem o blog completa 10 anos, e não tem nada que eu ame mais que ter tantos momentos especiais registrados por aqui ♥

Life lately – outubro e novembro

Vem conferir um pouquinho do que rolou por aqui nos últimos meses:

Ensaio de gestante: Débora e Iara

Desde que comprei minha câmera nova em janeiro, eu não tinha feito nenhum ensaio. No começo do ano começaram as chuvas bizarras e BH alagou mil vezes, depois veio carnaval e, por fim, a pandemia. Eu tava DOIDA pra ver a câmera em ação de verdade.

A oportunidade surgiu com a Débora e o Brunão, amigos lá do sítio, grávidos. Fiz dois ensaios da Débora: um sozinha, que passamos mais tempo andando pelo sítio, mas não pudemos aproveitar tanto a cachoeira porque ainda tava muito frio, e um com o Brunão, quando já tava mais calor e fiz umas fotos maravilhosas na cachoeira.

Ensaio de gestante – Débora / Foto por: @lnolascofotografia

Fiquei MUITO feliz com o resultado das fotos, só não vou postar as do segundo ensaio por aqui por serem um pouco mais intimas. Se quiser acompanhar um pouquinho mais do meu trabalho, é só seguir lá no @lnolascofotografia

Fim de semestre e livros

Com a pandemia, as aulas da UFMG ficaram suspensas entre março e agosto, depois voltaram, foram até a primeira semana de novembro… aí teve férias em novembro e voltaram de novo na semana passada pra começar o segundo semestre.

Aquele delicioso caos que é a universidade pública, né? Mas, de forma geral, tô achando bem interessante o ensino remoto — tá funcionando bem melhor do que eu esperava.

No semestre passado peguei uma matéria de literatura que eu morria de medo — Literatura Brasileira I — porque eu odeio estudar literatura (#TeamLinguistica). Mas o professor focou muito no tema da escravidão na literatura e acabei gostando bastante dos livros que lemos pra disciplina, que foram:

Coloquei os links da Amazon e a dica legal é que Úrsula e Memórias Póstumas estão de graça nas edições da Prazer de Ler (se acabar a promoção, eles continuam custando só 2 reais!). Meu favorito foi Fantina, por ser mais ousado e falar sobre exploração sexual de uma forma interessante.

Mas a história da Maria Firmina dos Reis, autora de Úrsula, me impressionou muito também e me fez gostar mais do livro — ela foi a primeira romancista negra do Brasil, criou a primeira escola mista do país e teve várias outras conquistas interessantes.

Quase fotografei um parto

Eu sempre tive muita vontade de fotografar um parto normal. Há uns 3 anos atrás tive uma oportunidade, mas a neném nasceu num parto tão rápido que a mãe quase não teve tempo de chegar no hospital.

Aí a Débora e o Brunão me chamaram pra fotografar o parto da Iara, que seria na casa deles. Topei e, na madrugada do dia 27/10, peguei um Uber e fui pra casa deles quando o trabalho de parto começou.

Altarzinho da Iara ♥ / Foto: @lnolascofotografia

Passei várias horas lá com eles, mas no final das contas eles precisaram ir pro hospital, porque foram mais de 24 horas em trabalho de parto e já estavam todos muito cansados.

Por conta da pandemia, não fui junto pra acompanhar o parto, mas não deixou de ser uma experiência incrível. E deu tudo certo, apesar de irem pro hospital, a Iara chegou em um parto natural e super tranquilo e é muito fofucha e pequetitica e calminha ♥

Mentoria de edição da Carolzisse

Faz um tempo que eu não tava satisfeita com a edição das minhas fotos, e no mês passado aproveitei as férias da faculdade pra fazer uma mentoria de edição com a @Carolzisse.

Ela é uma fotógrafa incrível aqui de BH que estuda comigo na Letras e foi muito legal aprender com ela. Fez MUUUUUITA diferença pra mim e tô me sentindo muito mais segura pra editar as fotos.

Comprei uma 17-40mm f/4l

Ok, é aqui que eu percebo que o post tá meio fora de ordem, mas é isso aí mesmo.

Quando comprei minha câmera nova, fiquei meio limitada porque não tinha uma lente mais aberta pra fotografar eventos, só a 50mm 1.8. Tava vigiando algumas opções pra comprar mas achei que ia demorar bastante.

Com a pandemia, reduzi meu principal gasto (com passagem pra faculdade), então consegui juntar uma graninha e um dia achei uma super promoção no site da Canon e… comprei uma 17-40mm F/4L!

Cervejaria do João (@cervejasantera)

Usei nas fotos do ~quase~ parto e foi incrível! Ainda não é a lente dos sonhos (prefiro as fixas & mais claras) mas já me permite fazer muita coisa. Tô aproveitando também pra fazer algumas experimentações com uma grande-angular de verdade, que eu nunca tinha usado. Ainda não me acertei com isso, mas tá divertido tentar.

“Criativa e artística”

No trabalho, fizemos um amigo oculto (à distância, pedimos comida pra entregar na casa de quem a gente tirou hahahah) e uma dinâmica de sortear alguém pra elogiar.

O mais legal foi que, nas duas situações, as pessoas usaram as palavras “criativa” e “artística” pra me descrever. É algo simples, mas que me deixou muito feliz também!

Esses foram os meses por aqui

Bom, isso é um resuminho de tudo que aconteceu por aqui nos últimos meses. Estou começando a planejar meu bullet journal pra 2021 e em breve devo trazer algo sobre ele pra cá ♥ Agora me contem: como tem sido os dias por aí?

Você também vai gostar

    A influência do blog na minha vida
    A influência do blog na minha vida
    4/52 – Melhores memórias de viagens

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 Comments