fotografialifestyle

22 de dezembro de 2015

Melhores do ano

Oi pessoal! O ano está acabando e resolvi fazer uma “retrospectiva 2015” por aqui! Pra isso, escolhi minha foto preferida de cada mês. Foi bem divertido escolher uma por uma e relembrar de tanta coisa que aconteceu nesse ano que passou tão rápido! Vale ressaltar que apesar de ter escolhido uma foto “preferida” de cada mês, muitas vezes tive até fotos melhores, mas estas marcam alguns momentos especiais para mim sobre os quais eu quis falar.

Coruja (Janeiro)

Em janeiro fotografei essa coruja maravilhosa lá no Museu de Arte da Pampulha. Ainda estava apanhando da câmera nova, não entendia direito como funcionavam muitas coisas e ainda não fotografava em RAW – uma pena, hoje vejo que poderia ter feito fotos muito melhores dessa linda que ficou se exibindo pra mim, mas valeu mesmo assim. Não me lembro de nada marcante nesse mês, sei que tive aula (pagando greve!) metade do mês, apenas. 

Flor pintadinha(Fevereiro)

Fevereiro foi, sem sombra de duvidas, o mês mais conturbado do ano. Término de namoro, amigos tomaram bomba, fiquei meio sem chão por um bom tempo… Mas sei também que foi um mês decisivo pra mim… Comecei a me dedicar mais a mim, ao blog, estudei mais fotografia, aprendi a tecer mandalas… Essa foto é uma das minhas favoritas pois lembro como me senti feliz de conseguir esse fundo desfocado usando meus novos filtros Close-Up e como fiquei encantada com essas pintinhas da flor… Tirei lá no sítio, no carnaval que foi incrível, rodeado de amigos e fotografias. Até hoje, a simplicidade e delicadeza dessa foto me encantam ❤

Flor do Topo do Mundo (Março)

Março é um mês do qual não me lembro muito e foi praticamente impossível encontrar uma foto dele. Acho essa que escolhi bem triste, mas não tinha muitas outras opções… Essa foi tirada no Topo do Mundo, em um dia que fui andar lá com minha mãe e minha tia. Lembro que estava um calor infinito e eu estava odiando muito o Sol que não me deixava me sentir bem nem fotografar direito. 

Cachoeira (Abril)

Essa é uma daquelas fotos que escolhi mais pelo momento e pelo significado… Foi tirada em Diamantina, da primeira vez que fui pra lá em algum feriado em Abril… Essa cachoeira é maravilhosa, eu estava me sentindo super feliz no dia, sempre gostei de fotos dos meus pés/pernas (mesmo sem achar eles exatamente bonitos) e definitivamente eu amo água. Abril foi um mês incrível e essa viagem foi fantástica.

Filhotes (Maio)

Em maio foi difícil escolher porque só tinha foto de filhote fofo! Ok, tinha outras fotos também, mas minhas favoritas são as dos filhotes lá do sítio… Tem fotos dos gatinhos também, mas essa foto do Bacon e..(ok, alguém precisa me ensinar a escrever o nome do outro) é a coisa mais fofa do universo inteiro pra mim… Essa mordidinha na orelha de irmão chato é muito deliciosa. E é louco pensar que hoje eles já estão enormes! Maio foi um mês legal também, acho que passei muito tempo no sítio.

Ódoborogodó (Junho)

Junho sempre foi um dos meus meses favoritos do ano: É frio, tem festa junina e tem meu aniversário! A foto é do Arraiá Casca Oca, lá no sítio também… lembro de comer muito caldo de mandioca (minha comida favorita!) nesse mês… Teve esse Arraiá e a Festa Junina do CEFET bem na semana do meu aniversário, o que foi bem mágico pra mim! Também teve outra festa junina em Rio Acima um pouco antes e foi delicioso também… Aaah, nesse mês (e em todos os outros) dancei MUITO forró! HehehBotas! (Julho)

Em julho, tive férias novamente. Fui para Diamantina mais uma vez, teve um encontro do CEFET das Mina (grupo de mulheres do CEFET ❤) e fui ao EMEC III lá na UFMG, onde tirei essa foto… o Campus estava lindo, com as folhas caídas e acho que essa botinha não saiu do meu pé pra nada! Com ela fui também a um show de duas bandas: Suricato e 5 a Seco… Acho que foi um dos melhores shows da minha vida, com duas bandas que amo tanto. Assisti também, acidentalmente, um dos últimos shows da banda Uakti – na Praça Floriano Peixoto, Belo Horizonte.   Coletor (Agosto)

“Mas Laura, sua melhor foto de agosto foi um coletor?” SIM MEU COLETOR LINDO MARAVILHOSO DÁ LICENÇA. Ok, controle-se. Talvez não seja a foto mais bonita (apesar de eu achar ele e o saquinho dele lindos) mas é realmente muito significativa pra mim. Vocês sabem como eu amo o coletor. Não me lembro de muita coisa e as fotos que tenho desse mês não ajudaram muito, mas… é o mês que meu copinho chegou, isso já é perfeito ❤.

Tattoo! (Setembro)

Em setembro desse ano, minha primeira tatuagem foi feita! E essa é a primeira (e única! Socorro, preciso mudar isso!) foto que tirei dela sem ser pelo celular pra mostrar pros amigos hahah… Até gosto desse jogo com o reflexo que meu malabarismo pra fotografá-la provocou… Pra quem não sabe, a frase é “Alis volat propriis”, ou “voar com as próprias asas” em Latim. Eu amo muito essa tattoo, e acho que foi o momento mais marcante de Setembro desse ano.

Lua de (Outubro)

Em Outubro tivemos uma Super Lua+Eclipse total e me senti muito feliz de conseguir fotografá-los! Ok, estou longe de tirar aquelas fotos perfeitas dela, mas com uma lente 18-55mm (lente do kit) e sem tripé, fiquei mais que feliz com meu resultado! Tenho fotos desse dia de quando ela nasceu – tiradas da janela do meu quarto, bem grande e vermelha atrás dos prédios, de quando ela estava bem alta no céu – tiradas no Topo do Mundo, onde fomos pra ver ela mais de pertinho e longe de toda a luz da cidade- e de quando ela estava encoberta, já aqui da rua da minha casa… Foi uma noite incrível!

Tomates à luz de velas (Novembro)

Novembro foi um mês bem louco no meu ano. Muitas decisões, muita falta de luz e muitos medos também (do escuro e das escolhas).  Adoro a simetria do prato nessa foto, as cores dos tomates e a luz… Já falei sobre ela no post do 8 on 8 não é?

Zoiuda! (Dezembro)

É difícil falar sobre dezembro pois ele ainda está começando e espero que ainda aconteça muita coisa por aqui. Entrei de férias logo no comecinho do mês e no momento que tive para fotografar – quando fui comemorar o aniversário da minha tia avó em um lugar lindo (e segurei 2 cobras!)- esqueci a câmera em casa e meu celular não é nada bom em fotografias. Até hoje só fiz isso, passei uns dias com minha tia e fui para o sítio uma vez. Aaah, também fui em um Show da Ana Carolina com minha mãe e duas amigas… Muito bom! Espero que até o dia de postar eu mude a foto, que é a única que encontrei (uma tartaruga de pelúcia zoiuda usando meus óculos!)

Bom, acho que é isso! Se fosse pra resumir 2015 em poucas palavras eu diria que foi um ano incrível. Descobri muito sobre mim, sobre meus gostos, minhas crenças, meus amores. Teve muita gente super especial do meu lado o tempo inteiro, conheci blogs incríveis e ganhei muitos leitores-amigos também. Ok, teve muita coisa difícil e massacrante também, mas me orgulho de poder dizer que termino mais um ano podendo olhar pra trás e dizer que não me arrependo de nem um único segundo. 

Existem algumas chances de esse ser o último post do ano, então já vou desejando Boas Festas e um 2016 incrível a todos! Até ano que vem, amores! (Ah, vai, se tiver outro post antes a gente deseja tudo de novo, não faz mal!)  

Você também vai gostar

    Bullet journal 2024
    Meu bullet journal de 2024
    Dezembro entre mares e morros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

28 Comments