06 08 2018

Creative Journal – Criatividade também se exercita!

Creative Journal - Criatividade também se exercita!

Desde que comecei a usar o bullet journal percebi que colocar as coisas no papel faz uma diferença absurda para mim – sempre preferi estudar escrevendo e os posts aqui do blog sempre nascem no caderno e depois são digitados, mas percebi que isso também vale para organização, para planos e metas e até pra criatividade… “Como assim, pra criatividade?”

Sempre me considerei uma pessoa criativa – quando pequena amava desenhar, criar histórias, nunca parei de escrever… mas a correria que a vida vira quando a gente cresce me afastou um pouquinho de tudo isso. O bullet journal me trouxe a lembrança de tudo isso, e com o Planner eu consegui voltar a desenhar mais, testar coisas novas, colorir e brincar mais com a criatividade. Cheguei num momento que tô achando até meus layouts meio “over” demais – é frase, é cor, é colagem, é desenho e no meio de tudo isso as minhas to-do-lists diárias. Não chegou num nível de incomodar ou atrapalhar o objetivo principal do planner que é manter minha vida organizada, mas acabou sendo um ótimo momento pra receber mais um produtinho da Donna Rita.

Dessa vez recebi um caderno médio pontilhado de 200 páginas… A estampa escolhida foi essa raposinha linda carregando um buquê num fundo de margaridas… Juro, não tinha como ser mais minha cara. Eu até ia escolher uma outra capa (fãs de Harry Potter, surtem comigo) mas quando a Rita lançou essa eu me derreti e mudei de ideia.

A única regra desse caderninho é que não tem regras – vale texto que vem no meio da madrugada, vale exercício de desenho, vale brainstorm bem malucão e outros exercícios de criatividade, colagem, moodboard, quote com caligrafia bonitinha e quote escrito de qualquer jeito só pra ver se aquilo entra na cabeça. Pensei também em morning pages, mas ainda não tenho certeza. A questão é: vale tudo o que der na telha, e por isso resolvi chamar de Creative Journal.

É pra exercitar a criatividade de todas as formas possíveis e imagináveis – sair da caixinha! Eu tô num momento de me lembrar que criatividade, fotografia, escrita e todas essas coisas que eu gosto e faço são questão de prática. Você precisa fazer e fazer de novo e fazer mais uma vez e quando achar que tá bom você faz mais uma vez – e no meio disso tudo, é claro, você busca um tanto de inspiração e absorve um tanto de coisa que ajuda também.

A meta é fazer pelo menos quatro páginas por mês… claro, o ideal é fazer mais, mas a gente mantém as coisas no nível do possível e o que vier é lucro, né? Em julho essa meta deu certo e vim mostrar pra vocês um pouquinho.

Creative journal - vamos exercitar a criatividade?

Comecei com uma espécie de “capa”: escrevi o nome porque eu gosto dessa coisa de primeira página identificando o que é. Espalhei alguns desenhozinhos e pedaços de fita colorida (não é washi tape mas quebra o galho, né? hahaha) e coloquei a frase “DON’T BE AFRAID OF WHITE PAGES” que é bem simbólica pra mim – porque na papelaria e na vida eu morro de medo de errar e por isso acabo não começando muita coisa, deixando as páginas em branco. Que bobeira, né? Mas é isso – cada página desse caderninho é pra mim muito mais que só uma página usada: é a coragem de começar e aceitar que tá tudo bem errar… a gente vira a página e recomeça se isso acontecer!

Creative journal - caderninho de criatividade

Aproveitei também e fiz um exercício de visualização e de metas: Chamei a página de “Porque eu fotografo?” (ok, eu tampei os escritos por aqui por ser bem pessoal… Mas posso mostrar e falar mais sobre se quiserem. Basicamente dividi em sessões e fui listando os meus motivos, metas passos e tudo o mais. O layout foi bem simples e não desenhei muito… Foi um momento de reflexão sobre o porque quero seguir carreira na fotografia e sobre o que me faz amar essa área. Fiquei muito feliz lendo tudo no final.

Fiz também uma espécie de moodboard de julho – com tudo o que eu esperava e queria pro mês. Adorei essa parte e já tô fazendo o de agosto também! O mês de julho teve muito trabalho de fotografia, teve viagem pra caçar estrelas – fomos pro alto de uma serra fazer longa exposição de noite! Foi incrível e em breve trago fotos <3 e claro, teve férias! Hahahah… Além disso, encontrei um grupo de meninas empreendedoras incríveis que se juntam aqui em BH pra falar sobre projetos, desafios e toda essa vida de trabalhar por conta própria. Foi muito legal! Nessa página, além das imagens impressas e canetas usei um papel para scrapbook que comprei por R$0,90 aqui e que vai servir pra brincar muuuito nesse caderninho!

Creative journal - moodboard

Por último, minha página e ideia favorita: um moodboard de inspiração para fotografias externas de casais. Juntei referências que eu gosto, imprimi imagens, comentei sobre o que gosto em cada uma, escrevi sobre o que tem em comum entre elas e criei uma página que me mostra um pouco do que quero dos meus ensaios de casais! Além disso, curti que nessa página usei coisas que provavelmente iriam pro lixo: um saquinho de papel pardo que veio com alguns brindezinhos da Donna Rita e até o adesivo de coração que veio fechando esse saquinho!

Esse mês foi isso que rolou no meu Creative Journal! O que você achou? Me conta! Se tiverem ideias de coisas pra fazer estou sempre aberta também! Pensei em atualizar vocês do que tenho feito nele, vez ou outra mostrar páginas aqui e no meu instagram e até quem sabe tentar gravar o processo de criação de algumas páginas e soltar lá no youtube… quem quer? Agora é a vez de você me contar: como você exercita sua criatividade? 

16 Comentários

16 Comentários em "Creative Journal – Criatividade também se exercita!"

  1. Claudia Hi disse:

    Laura você é muito caprichosa! Adorei todas as páginas do seu caderninho. Até fiquei com vontade de fazer um.

    Eu apoio você fazer uma postagem sobre o por quê de você fotografar. Com certeza vai inspirar muita gente!

    [Reply]

    Laura Reply:

    Muito obrigada, Claudia! Se fizer, mostra pra gente também!
    Vou desenvolver a ideia desse post sim… Acho que vai ser legal!
    Beijos!

    [Reply]

  2. KARINE disse:

    amei seu creative journal (e ver minha foto e nominho ali, fofa <3) e a forma como está usando ele pra se inspirar de forma ativa no seu trabalho como fotografa. faz tempo que penso em criar algo assim pra melhorar minha fotografia, mas acabo sempre deixando de lado. vou ver se me inspiro pra tirar essa ideia da cabeça 🙂

    [Reply]

    Laura Reply:

    Aaah, obrigada <3
    Eu fiquei incomodadíssima porque só depois eu percebi que seu @ tá errado, mas tá valendo hahaahahah
    Ia adorar ver a sua versão de um caderninho assim pra fotografia também! Se fizer, mostra pra gente!
    Beijos!

    [Reply]

  3. Ahhh que lindo.
    Eu tenho tentado usado o meu todos os dias,, mas tenho falhado hahahah
    Gosto de anotar minhas ideias para fotos e inspirações <3
    Amei demais o seu

    [Reply]

    Laura Reply:

    Hahahah obrigada!
    Não consigo usar todos os dias também, por isso coloquei uma meta mais realista pra mim hahahhah
    Beijos!

    [Reply]

  4. Lidiane disse:

    Nossa, me identifiquei totalmente! Todos os posts do blog nascem primeiro no papel, e já tem um tempo que voltei a escrever diários, principalmente para controlar a ansiedade. Escrever me ajuda a organizar as ideias e reavaliar uma situação difícil, é como pôr ordem na casa… Adorei os moodboards, costumo sempre juntar imagens, poemas, músicas na hora de compor uma ilustração.

    Bjs

    [Reply]

    Laura Reply:

    Hahahah exatamente! Escrever me ajuda a pôr ordem na casa interna também!
    Fico feliz que tenha gostado!
    Beijos!

    [Reply]

  5. celle coelho disse:

    nossa laura eu ameeeeei a sua ideia! meu bujo ultimamente ta sendo meio multiuso, quando eu preciso anotar algo eu uso ele, mas não gosto muito porque acho que bagunça um pouco. ter um caderninho assim deve ser muito legal mesmo pra por a mente no lugar 🙂

    beijo!

    [Reply]

  6. Ane Carol disse:

    Não conhecia o creative journal, mas amei a ideia. Comecei com o bullet journal este ano e tem sido uma experiência ótima e já tenho alguma ideias para o ano que vem. Acho que essa dica vai ser perfeita para aproveitar aqueles caderninhos que a gente acaba comprando e deixando de lado.

    [Reply]

  7. Eu amo esses jounals, sou louca pra fazer , mas eu sou meio desorganizadinha e acabo comprando planners prontos e caderninhos pra fazer umas coisinhas mais kawaii.

    [Reply]

  8. Andrea disse:

    Nossa, Laura, eu adorei essa ideia de ter um “caderninho criativo”.
    Eu fazia muito com o meu bullet journal, mas como esse ano usei planner, por mais que tenha muito espaço, acho que ele restringe um pouco isso de fazer como eu quero. Acho que vou aderir a essa ideia e fazer só como complemento para o meu planner 🙂
    E, nossa, amei o layout que você fez!! Ficou lindo demais!

    [Reply]

  9. Eu nunca havia visto um Creative Journal, nem sabia que existia! Mas menina, EU AMEI E QUERO UM RIGHT NOW! Hahaha!

    [Reply]

  10. Desireé Antônio disse:

    Oi, Marina, tudo bem?

    Qual o tipo de papel do seu caderno?

    Abraços!

    [Reply]

  11. Loriene disse:

    Também sempre me considerei uma pessoa criativa, e quero muito começar meu boulet journal, mas quero começar em janeiro pois já estamos no final do ano, o que você faria começaria logo ou ano que vem??

    beijos

    [Reply]

  12. Dai Castro disse:

    Eu acho que colocar no papel ajuda muito mesmo, e tive a mesma sensação quando voltei a ter um caderno sempre em mãos. Vira e mexe meu bujo vira um caderninho onde simplesmente desenho algo, faço algum tipo de colagem e alguns letterings. Fazer um mood board e painel de visualização também nos dá uma clareza e inspiração, né?
    Espero ver mais posts assim por aqui, vai ser legal acompanhar você preenchendo todas as páginas do caderno!
    Um beijo
    Colorindo Nuvens

    [Reply]